Vai começar o Desafio Sebrae 2010

Blog Single
Expectativa é que mais de 8 mil estudantes universitários, da região centro-sul do Estado, participem do jogo empresarial

O Sebrae/PR lança nesta quinta-feira (25), a décima primeira edição do Desafio Sebrae, para diretores, coordenadores, professores, universitários, presidentes de diretórios acadêmicos, representantes de núcleos de empresas júnior e imprensa, da região centro-sul do Paraná. O café da manhã, organizado pela entidade, começa às 8h, na sede do Sebrae/PR, na Capital – Rua Caeté, 150.

As inscrições para o maior jogo de empreendedorismo do mundo podem ser feitas por universitários de todo o Estado entre 10 de março e 15 de abril pelo site www.desafio.sebrae.com.br. Neste ano, os estudantes irão administrar virtualmente uma fábrica de instrumentos musicais por meio do software desenvolvido pelo Sebrae Nacional e pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe-UFRJ).

De acordo com Marcelo Cantero de Castro, coordenador do Desafio Sebrae na Região Centro Sul, a meta é de que cerca de 8 mil estudantes da região inscrevam-se neste ano. Em todo o Estado, mais de 20 mil universitários devem participar do jogo, mantendo ou superando a média de 2009, ano em que o Paraná foi destaque nacional ao registrar o maior número de inscrições.

“Neste ano, queremos fazer o trabalho de divulgação mais perto dos professores, para que eles divulguem o Desafio aos alunos em sala de aula. É a oportunidade que os estudantes têm de colocar em prática as teorias da vida acadêmica”, afirma Castro. “O participante do Desafio vai vivenciar o gerenciamento de uma empresa. Independente da profissão escolhida, o universitário terá que administrar seu estabelecimento, seja um consultório ou escritório, por exemplo. No jogo é possível encarar a realidade do mercado e os problemas que surgem”, completa o coordenador.

Depois de se inscrever, as equipes têm os meses de abril e maio para baixarem o jogo pela internet e montarem a empresa: escolhem o nome, localização, contratam funcionários, fazem o orçamento. Em seguida, a Coppe começa a enviar os problemas para as equipes, que se reúnem, discutem o problema e elaboram uma solução.

Para cada problema há uma espécie de gabarito, que são as decisões empresariais esperadas pelos coordenadores que formularam os problemas. Quanto mais as decisões das equipes se aproximarem do gabarito, mais pontos a empresa receberá e melhor será a colocação dos participantes.

“O Desafio Sebrae desperta atitudes empreendedoras, fundamentais em países como o Brasil que, anualmente, registra um elevado número de jovens recém-formados. É, sem dúvida, um jogo que estimula a gestão e competências como liderança, trabalho em equipe, tomada de decisões e administração de conflitos, características imprescindíveis para um bom empreendedor. É um jogo que prepara os jovens para o mercado de trabalho, um excelente aprendizado para aqueles que desejam ingressar no mundo corporativo", assegura Allan Marcelo de Campos Costa, diretor-superintendente do Sebrae/PR.


Em 2009
No ano passado, 20.015 universitários participaram do jogo. Do total, 12.244 eram jovens do sexo masculino e 7.771 do sexo feminino, pertencentes a faixas etárias variáveis: entre 18 e 22 anos completos (11.967); 23 e 26 anos completos (3.721); a partir de 27 anos completos (3.239) e até 17 anos completos (1.088).

O Paraná formou mais de 4 mil equipes em 2009 e ficou na frente de 'gigantes' em população universitária como São Paulo e de outros estados com número de estudantes superior, como o Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Em todo o Brasil foram 131.183 inscrições, envolvendo faculdades e universidades dos 27 estados. Uma equipe da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, formada por estudantes dos cursos de Economia e Ciências Contábeis, disputou a final nacional em Brasília e ficou em segundo lugar na 10ª edição do jogo.


Desafio Sebrae
Criado em 1999 o jogo tem a função de auxiliar os universitários brasileiros que querem seguir o empreendedorismo e serem donos do próprio negócio e oferece prêmios e uma viagem internacional para conhecer um centro de referência mundial em empreendedorismo na Europa. Além do Brasil, é realizado em outros sete países: Argentina, Colômbia, Equador, Peru, Paraguai, Uruguai e Chile.

O Desafio é dividido em cinco fases. As três primeiras são virtuais, em que os competidores jogam via internet. Os vencedores da etapa paranaense serão conhecidos em outubro. As duas últimas fases – a semifinal nacional, programada para acontecer neste ano entre 26 a 30 de novembro, e a final nacional, de 3 a 6 de dezembro – são presenciais, em Recife.

Durante a realização das etapas, a competição se torna cada vez mais difícil e apenas os grupos que conseguirem os melhores resultados estarão aptos para prosseguir na disputa. Os jogadores reúnem-se em equipes com três a cinco componentes e elas ficam responsáveis por gerenciar virtualmente a empresa.

Em alguns meses de envolvimento, o participante tem a possibilidade de testar sua capacidade de tomada de decisões, de trabalhar em equipe, de buscar soluções, tendo também a oportunidade de enriquecer seu potencial empreendedor.


Premiação
Os prêmios para os vencedores estaduais são iPod Touch e capacitações no Sebrae/PR. Na semifinal nacional, cada participante de cada uma das oito equipes classificadas para a final nacional receberá como prêmio um notebook. Já a equipe campeã nacional ganha uma viagem de 10 dias para conhecer um centro de referência mundial em empreendedorismo na Europa.

[PautaSJP.com e informações do Sebrae]

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: