Coletores de lixo mantêm paralisação de dois dias 07-May-10

Segundo um dos sindicatos da categoria, houve avanço nas conversas com o Ministério Público e Prefeitura

Nos bastidores, divergências entre os sindicatos Siemaco e Sintracarp

Desde quarta-feira (05), às 6h, os 140 coletores de lixo e motoristas da Transresíduos, empresa licitada pela Prefeitura de São José dos Pinhais, estão em greve. Ontem (06), à noite, o presidente em exercício do Siemaco, sindicato da categoria ligado à Força Sindical, João Geronimo Filho, falou que houve avanços nas conversas com a Prefeitura e o Ministério Público, mas a greve continuaria.

“O Siemaco está em contato com os órgãos responsáveis para chegarmos a um acordo de melhorias para o trabalho no município”, disse João Geronimo Filho.

Ainda no dia 05, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente encaminhou nota à imprensa, em que cita a negociação entre os grevistas e o Sindicato de Transportadores de Cargas (Sintracarp). Como a Transresíduos entrou com uma liminar contra o Sintracarp, a Prefeitura esperadecisão da Justiça para tomar uma posição.

Ontem, às 14h, na sede da empresa do bairro Costeira, só havia representantes da Siemaco. Entre os grevistas, estava Gean Frei da Silva. “Melhorar o salário de R$ 615,00, acabar com o banco de horas, que não funciona, e novas roupas, equipamentos e botas para a gente trabalhar, é apenas isso que precisamos”, resumiu o funcionário da Transresíduos.

O PautaSJP.com tentou falar ontem à noite com a diretoria da Transresíduos por celular, mas não houve contato.

[PautaSJP.com]