Corridas das categorias Fusca Velocidade, Novatos e Marcas A-B tiveram 62 pilotos em disputa no domingo

Blog Single
A 6ª etapa do Campeonato Paranaense de Velocidade na Terra 2008 será dias 16 e 17 de agosto no Autódromo São José dos Pinhais

O público de 3.500 pessoas que foi ao Autódromo São José dos Pinhais, para assistir a 3ª etapa do Campeonato Metropolitano de Velocidade na Terra 2008, no último domingo (13), além de ver as categorias Fórmula Tubular, Dodge e Stock Car, também presenciou muitos duelos gerados por 62 pilotos das categorias Fusca Velocidade, e nas classes Novatos e Marcas A e B, com carros da marca palio e gol. A diferença entre os competidores A e B é apenas a maior experiência dos condutores da categoria A.
Nos dias 16 e 17 de agosto, também no Autódromo São José dos Pinhais, acontece a 6ª etapa do Campeonato Paranaense de Velocidade na Terra 2008. O circuito foi sede do Campeonato Brasileiro de Velocidade na Terra, disputado em março.

Novatos
A categoria Novatos disputada em bateria única teve a volta mais rápida para a formação do grid do piloto Hemerson Pampuch (carro 06), com o tempo de 1 minuto, 264 milésimos, tendo ao lado Adriano Provesi (10), a 018mil, e Lucas Bornemann (41), a 175mil.
Na largada, que contou com 20 carros, Hemerson manteve a ponta seguido por Adriano Provesi e o então líder do campeonato, Roberto Bonatto (00), em terceiro. Ainda na primeira volta um capotamento do carro 55 de Carlos Lisboa, na curva dois da pista, provocou a entrada do safety car e bandeira amarela em todo o circuito.
Com a relargada Hemerson continuou em primeiro à frente do duelo entre Adriano e Roberto. O carro de Roberto era o mais rápido em reta e ele conseguiu ultrapassar Adriano e iniciar a perseguição a Hemerson. Algumas voltas depois Roberto conquistou a primeira posição ao final da reta e chegou a abrir um pouco de Hemerson, mas perto do fim perdeu a direção na última curva e abandonou. Então Hemerson retomou a liderança para cruzar a bandeirada em primeiro e sair da pista como líder do campeonato na categoria Novatos. “Eu sabia que o Roberto estava bem mais rápido na reta e então tentava ficar perto entrando forte na curvas e aconteceu dele sair da pista e eu vencer. Agradeço a equipe e amigos por este dia tão especial”, disse Hemerson Pampuch, que reside em Matinhos mas sua família possui muita tradição no automobilismo feito a partir de São José dos Pinhais.
Fim de prova após 27 voltas, com Hemerson Pampuch (06) em primeiro, Adriano Provesi (10), segundo, que fez a melhor volta da corrida com 59s624mil, e Lucas Bornemann (41), em terceiro. No campeonato, após 3 etapas, Hemerson Pampuch tem 31 pontos, Lucas Bornemann 21, e William Zavaski 20 pontos.

Marcas A e B
Os pilotos da categoria A e B formaram um grid com 29 carros para disputa de bateria única. O mais rápido no sábado foi Stive Tokarski (03-A), com o tempo de 59 segundos e 023 milésimos. Completou a primeira fila Cristiano Bornemann (43-A), a apenas 289mil, e em terceiro Raul Andretta (166-A), a 631mil de Stive. O mais rápido na Marcas B foi o quarto colocado na classificação geral, João Stabach (12-B), com o tempo de 1min,00s,007mil, à frente de mais 13 carros classificados entre A e B.
Ao sinal verde o pole Stive Tokarski (03-A), continuou em primeiro lugar, seguido de perto por Cristiano Bornemann (43-A), e Raul Andretta (166-A). No segundo pelotão houve boas brigas entre João Stabach (12-B), e Francisco Koga (48-A), que largou em 10ª e no meio da prova ultrapassou Stabach, para assumir a terceira colocação.
Após 30 voltas vitória de Stive Tokarski (03-A), que fez a volta mais rápida da corrida com 59s464mil, em segundo Cristiano Bornemann (43-A), terceiro colocado Raul Andretta (166-A), em quarto Francisco Koga (48-A), e o quinto na geral foi o piloto mais rápido da categoria B, Stabach (12-B).
No campeonato, após 3 etapas, na categoria A, Stive Tokarski tem 31 pontos , Christiano Bornemann 29 e Raul Andretta 23. Na categoria B, João Ademir Stabach tem 34 pontos, Wilson Kavilhuka, 29, e Henri José Bot 20 pontos.

Fusca Velocidade
A categoria Fusca Velocidade teve duas baterias entre os 23 carros inscritos. A pole position no sábado foi conquistada por Saulo Marafon (177), com o tempo de 1 minuto, 01 segundos e 311 milésimos, à frente de Valmir Marafon (77), a apenas 0,00,001 milésimos, e na terceira colocação do grid, Fabrício Rossato (82), com 1min, 01s421mil.
Na largada o primeiro colocado, Saulo Marafon (177), não tracionou bem seu carro e saiu mais lento. Ao final da curva 1 os fuscas de Marcelo Tatschi (123), que largou em quarto, e César Bontorin (17), que saiu em quinto, já brigavam pela ponta.
O piloto César Bontorin (17) assumiu a primeira colocação, tendo muito perto, por várias voltas, o carro de Marcelo Tatschi (123). Ao final da corrida uma rodada fez com que o safety car entrasse na pista, e para não estourar o limite de tempo a corrida terminou em bandeira amarela com vitória de César Bontorin (17), na segunda colocação Marcelo Tatschi (123), e em terceiro Saulo Marafon (177).
A segunda bateria, que se encerrou com 75% da prova, devido a falta de luz natural, teve a mesma configuração do término da primeira, com vitória de César Bontorin (17), seguido por Marcelo Tatschi (123). O campeonato após 3 etapas está com a seguinte classificação: Saulo Marafon tem 42 pontos, Valmir Marafon, 39, e Cesar Bontorin, 37 pontos.

[PautaSJP.com]


Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: