“Não fui preso”, diz vereador de SJP

Blog Single
O vereador de São José dos Pinhais, Toninho da Farmácia Anderson (PP), passou esta semana negando que tenha sido preso na eleição do último domingo (03) por fazer boca de urna. “Eu não estive no Colégio Jucelino Kubitschek que dizem que eu estava, e muito menos saí algemado pela Polícia Militar (PM)”, diz o vereador. A informação está no Jornal Correio Paranaense (Jornal do Ônibus) de segunda-feira (04), página 02.

O relatório da Polícia Militar após as eleições, divulgado no domingo à noite, não trazia dados de prisão em São José dos Pinhais. De acordo com a PM, ocorreram 127 detenções no Estado, sendo 96 no interior, quatro na Capital e 27 na Região Metropolitana. Foram 12 em Almirante Tamandaré, nove em Fazenda Rio Grande, duas em Colombo, duas em Pinhais, duas em Piraquara e nenhuma ocorrência em São José dos Pinhais.

Os juízes do Fórum Eleitoral de São José dos Pinhais também confirmaram no dia da votação que não aconteceram prisões na cidade.

[PautaSJP.com]

Compartilhe esta notícia no Facebook: