MP acata processo contra derrubada da sede da Prefeitura

Blog Single
No dia 14 de junho, um mês depois da sede da Prefeitura de São José dos Pinhais (SJP) ser derrubada, para a construção de um prédio administrativo, o jornalista Antonio Bobrowec entrou com uma nova ação contra o prefeito Ivan Rodrigues, desta vez no Ministério Público do Paraná. Segundo o jornalista, o processo foi aceito pela promotoria e a Procuradoria do município, com representação do prefeito, será intimada a dar esclarecimentos.

"Em dezembro, cinco meses antes da demolição, eu entrei no Fórum de SJP contra a ideia de derrubar a casa histórica erguida em 1890, uma das edificações mais antigas do Paraná. Na época, o desembargador Miguel Kfouri Neto, por meio do Tribunal de Justiça do Paraná, entendeu que a minha ação não poderia ser julgada, já que o Conselho Municipal de Patrimônio Histórico (Compaq) havia começado o processo de tombamento e comunicado a Prefeitura que nada poderia ser feito no local sem conhecimento dos conselheiros do Compac, ou seja, ao contrário do que a Prefeitura alega, foi uma derrubada ilegal", afirma Antonio Bobrowec.

Em entrevista para o jornal Gazeta do Povo, o secretário de Comunicação da Prefeitura, Luiz Carlos da Rocha, diz que a demolição foi feita porque o município entendeu que o casarão não tinha valor histórico. Comparando fotografias da casa (antigas e atuais) foi constatado que a versão original não existia mais, porque havia sido objeto de inúmeras reformas, que o descaracterizaram, sustenta Luiz Rocha.

[PautaSJP.com]

Compartilhe esta notícia no Facebook: