Deputados são-joseenses se unem para oposição eleitoral contra prefeito Ivan

Blog Single
A Assessoria de Imprensa do deputado estadual Francisco Bührer (PSDB) soltou a primeira confirmação de um grupo de oposição eleitoral em 2012 contra o prefeito Ivan Rodrigues, liderado também pelos deputados federais Luiz Carlos Setim (DEM) e Leopoldo Meyer (PSB). A informação traz a imagem dos deputados Meyer e Setim juntos, que eram aliados, estiveram em lados opostos em 2008 - quando Setim apoiou o filho Sandro na candidatura a prefeito -, e se uniram novamente. No encontro estiveram ausentes três vereadores do PSDB. O raxa no partido tucano prorrogou para depois do Carnaval a escolha de quem será o candidato de oposição a prefeito, na disputa interna entre Setim, Bührer e Meyer.

Segundo o release da assessoria, a definição do grupo opositor foi durante jantar realizado na última segunda-feira (31), na casa de Bührer, na presença de representantes de partidos como o PV, PTB, PMDB e PHS, e lideranças como o ex-vereador e ex-vice-prefeito (2005-2008) Toninho da Farmácia.

A decisão de quem será candidato a prefeito, de acordo com a nota, será tomada com base em pesquisa de aprovação já encomendada. O resultado com o anúncio do candidato será divulgado após as festas carnavalescas, e com total apoio do governador do Paraná, Beto Richa, diz a nota.


Ausência de tucanos
O jantar teve a presença dos vereadores Imar Augusto (PSB), Sylvio Monteiro (DEM), Mari Temperasso (PSDB) e Gastão Vosgerau (PSDB). Não compareceram para compor a oposição três vereadores do PSDB, sendo o presidente da Câmara, Assis Manoel, Ailton Fenemê e Carlos Machado.

A Câmara de São José dos Pinhais possui mais sete representantes. Estão coligados com o prefeito Ivan Rodrigues os ex-Democratas (DEM) que mudaram para o partido do prefeito, o PSD, Walber Mulbak, Lucia Stoco e Carlos de Castro. Também fazem parte da base de apoio, e foram para o PSD, Toninho Anderson (ex-PP) e José Vieira (ex-PTB). Completam a coligação pró Ivan dentro da Câmara os dois vereadores do PT, Bira do Banco e Onildo do PT.

Para os deputados, há esperança da vinda dos três vereadores tucanos para o grupo após intervenção do governador Beto Richa, que é do PSDB. O presidente regional do partido é o vereador Assis, que, por enquanto, pretende apoiar o atual prefeito.


Idas e vindas
Curiosamente, Ivan Rodrigues já foi da base política do grupo formado por Setim, Bührer e Meyer. O desentendimento ocorreu quando o então provedor do Hospital São José, Ivan Rodrigues, que administrou a instituição filantrópica entre 2006 e 2007, se desentendeu naquele período com o prefeito Meyer e os deputados Bührer e Setim.

O líder do PMDB, e ex-vereador Nedson Karan, foi candidato a prefeito em 2004 e perdeu a eleição para Leopoldo Meyer. Em 2008, estava comprometido politicamente com o candidato opositor ao prefeito Meyer na época, Ivan Rodrigues mas, na última hora, atendeu pedido do governador Roberto Requião e saiu candidato a vice-prefeito na chapa de reeleição de Meyer. Nedson Karam é uma das lideranças na foto de divulgação dos três deputados.


Biografia dos postulantes a candidato
O deputado Francisco Bührer pode ser candidato a prefeito pela primeira vez. Bührer foi eleito vereador em 1989, pelo PSDB, sendo reeleito na Câmara onde chegou à Presidência da Casa entre 1995 e 1996. Em 1996, se tornou vice-prefeito de São José dos Pinhais em dobradinha com o prefeito Luiz Carlos Setim. Em 2000, foi reeleito para o cargo de vice-prefeito. Em 2002, se elegeu deputado estadual, sendo reeleito consecutivamente.

O deputado Luiz Carlos Setim pode sair para uma terceira candidatura a prefeito. Luiz Setim foi prefeito na gestão 1997/2000 e reeleito para 2001/2004. Em 2006, eleito deputado federal. Em 2010, se manteve na Câmara como suplente pelo DEM.

O deputado Leopoldo Meyer pode ser candidato a prefeito pela terceira vez. Meyer foi vereador entre 1993 e 1996. Prefeito de São José dos Pinhais de 2005 a 2008 pelo PSDB. Eleito deputado federal pelo PSB em 2010.

PautaSJP.com

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: