Conclusão CPIs das gestões Ivan, Meyer e Setim prorrogada para depois das eleições

Blog Single
Os trabalhos das Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) que tramitam na Câmara de São José dos Pinhais, voltados a investigações sobre empresa que tinha a licitação de merenda escolar na Prefeitura e denúncias de irregularidades na saúde, incluindo o Hospital São José, completaram hoje 36 dias de implantação. A iniciativa até o momento não gerou nenhum depoimento, e a conclusão das CPIs foi prorrogada na sessão de ontem por mais 90 dias, apenas para depois das eleições de 07 de outubro. Em maio, a oposição queria CPI e o bloco de situação então oficializou as comissões, mas para levantar, além da gestão do prefeito Ivan Rodrigues, também os mandatos de Leopoldo Meyer e Luis Setim, sendo de 1997 a 2012.

O presidente da CPI da saúde, vereador Walder Mulbak, justificou o adiamento. “Há uma grande quantidade de documentos que devem ser detalhadamente estudados. Queremos fazer o que é certo e produzir relatórios coerentes, pois, o tema é muito sério e exige bastante responsabilidade”, disse Walder Mulbak.

A CPI da merenda analisa o contrato com a empresa J. Coan em vigor nos anos de 2008 e 2009, totalizando mais de R$ 66 milhões. Fazem parte da comissão os vereadores Toninho da Anderson (presidente CPI), Gastão Vosgerau (relator), Onildo do PT (membro), Sylvio Monteiro (membro) e Imar Augusto (membro).

A CPI da saúde tem como objetivo apurar irregularidades e apontar soluções para a questão da terceirização de mão de obra no município. Este grupo da CPI é formado pelos vereadores Walder Mulbak (presidente CPI), Aílton Fenemê (relator), Bira do Banco (membro), Sylvio Monteiro (membro) e Imar Augusto (membro).


Amanhã se define candidato a prefeito da oposição
O PautaSJP.com acompanha amanhã (23) e publica matéria sobre as convenções partidárias das legendas PSB, PSDB e DEM, na Câmara Municipal, onde será definido quem será o candidato a prefeito de oposição contra Ivan Rodrigues (PSD).

Desde o início do ano, se colocaram a disposição dos partidos os deputados federais e ex-prefeitos Leopoldo Meyer (PSB) e Luis Carlos Setim (DEM), e o deputado estadual Francisco Bührer (PSDB).

PautaSJP.com






Compartilhe esta notícia no Facebook: