A arte de fazer amigos

Blog Single
Por Adelino Venturi

No próximo sábado (23 de agosto), temos um encontro marcado, no Buffet Imperial, para comemorar o Dia Nacional do Corretor de Imóveis.
Essa será a nossa festa, que compartilhamos com os são-joseenses, com a nossa cidade, que é a razão de tudo que realizamos profissionalmente.
A promoção é da nossa entidade maior, a Associação Comercial, Industrial, Agrícola e de Prestação de Serviço (Aciap), no âmbito da Câmara Setorial Imobiliária.
Vamos aproveitar para brindar o sucesso empresarial da nossa cidade, que se reflete diretamente na atividade imobiliária. Pode-se dizer que essa é uma atividade que serve de termômetro para medir o empreendedorismo de São José dos Pinhais. Há uma busca crescente por informações sobre imóveis para moradia e no campo dos negócios.
Esse “boom” transformou São José dos Pinhais na grande referência metropolitana do setor imobiliário. Sem restrições, hoje ocupamos o espaço nobre desse segmento econômico na grande Curitiba.
É necessário destacar que o nosso sucesso não acontece por acaso.
É crescente o nível de avanço nos negócios da cidade, nas indústrias com avançadas tecnologias, nos setores de comércio e serviços abrangidos por modernos métodos de gestão. Esse novo perfil impõe aos negócios imobiliários uma grande responsabilidade.
É passado o tempo em que o corretor de imóveis era um profissional solitário em busca de um cliente aqui, outro acolá. Hoje, esse profissional é abrangido por um verdadeiro processo de gestão empresarial, não importando o tamanho da empresa. Ele é bombardeado por informações, que se renovam a todo instante. Cabe a ele se organizar com agendas e informações específicas sobre os variados perfis do mercado imobiliário.
O trabalho também lhe exige conhecimento amplo das questões institucionais: a regulamentação, as leis, os trâmites cartorários, também sobre inventários e partilha de bens familiares; enfim, sobre tudo que envolve uma transação imobiliária. Não é raro, que desse tipo de informação e conhecimento depende o fechamento de bons negócios. Isto, com a responsabilidade de proporcionar ao cliente a informação correta, de mostrar-lhe o verdadeiro e bom caminho a seguir; de lhe oferecer as condições para que sua decisão final seja equilibrada, de bom senso; para que seja fiel ao propósito da ética nas relações de negócios.
Esse nível de relacionamento resulta em algo mais do que a negociação financeira. É comum que se inicie uma salutar amizade entre corretor e cliente. De um lado, este reconhece no seu agente imobiliário uma pessoa de confiança e capacitada para intermediar novos negócios, na sua roda de amigos, entre familiares ou colegas de trabalho.
De outro, o agente imobiliário busca dar seqüência a um diálogo que já extrapolou o limite dos negócios. Aos poucos, corretor e cliente se tornam bons amigos, numa relação carimbada com o valor da credibilidade, resultante da comprovação da honestidade.
Somos orgulhosos, portanto, da profissão que exercemos. E mais: pelo exercício diário em uma cidade como São José dos Pinhais: próspera, com a marca do trabalho organizado, da fé religiosa, da forte consciência de comunidade; enfim, de uma cidade exemplar e responsável na sua condição de se situar na vanguarda do moderno desenvolvimento econômico e social do país.
Finalmente, vamos fazer da nossa festa um momento especial para nós, para nossa cidade e, também, para nossos irmãos mais necessitados, com a doação de um alimento não perecível. (Informações na secretaria da Aciap ou pelos fones: 3525-0810 e 3528-0806.

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: