A seis dias da eleição, PautaSJP.com entrevista candidato Ivan Rodrigues

Blog Single
O prefeito Ivan Rodrigues é o candidato à reeleição, uma marca que desde a implantação desta possibilidade nas cidades acompanha apenas o seu principal adversário, o deputado federal Luiz Carlos Setim (1997-2004), já que o ex-prefeito Leopoldo Meyer (2004-2008) não se reelegeu. A apenas seis dias da votação, PautaSJP.com entrevista Ivan Rodrigues, que mantém uma forma diferente de governar e de fazer campanha, sem querer ser popular e regionalizando os escritórios políticos pelo município, de forma que além da imagem institucional nas ruas, os núcleos políticos trabalham o chamado boca a boca. Sobre a gestão, assunto que compete somente ao atual prefeito, Ivan rebate as acusações de suspeita de mau uso do dinheiro na administração do Hospital São José e fala que sua divulgação basicamente será a comparação entre o que havia antes de sua gestão e os dias de hoje.

1 PautaSJP.com - Como está a sua campanha a menos de uma semana da eleição?
Ivan Rodrigues – Estamos mobilizando a população no sentido de comparar o que realizamos. Espero que a sociedade se lembre da São José dos Pinhais que eu assumi. A campanha mostra que resolvemos os problemas das enchentes, temos um parque de lazer, um teatro novo que será inaugurado em breve, um hospital estruturado e vários postos de saúde, asfalto novo sem cobrar por isso no IPTU, fizemos a licitação e ampliação do número de taxis, organizamos a implantação do Sesc-Senac, inauguramos o Centro da Juventude na Borda do Campo, enfim, inúmeras obras e serviços que tornaram a cidade bem melhor e os cidadãos poderão comparar, inclusive com o trabalho do candidato que já foi prefeito, e que faz parte da oposição ao governo federal. Nós temos apoio direto da presidente Dilma, da ministra Gleisi Hoffmann, entre outras lideranças do PT.

2 PautaSJP.com - De que forma o senhor concilia o trabalho de prefeito e de candidato a prefeito de São José dos Pinhais?
IR – Perdendo alguns quilos ao acordar bem cedo e dormindo tarde. Emagreci três quilos nesta eleição. É uma atividade árdua, de muita correria, mas muito recompensadora.

3 PautaSJP.com - A oposição ao senhor na Câmara Municipal queria a CPI da Saúde e os seus vereadores implantaram a CPI, mas com investigações desde o início da gestão Setim, em 1997. Após dois meses, não surgiu nenhuma informação relevante na Câmara sobre ambos os lados, o que indica um final conhecido no Brasil como “tudo acaba em pizza”. A divisão desta responsabilidade nos problemas da Saúde amenizou o desgaste da sua imagem na campanha?
IR – O que se queria implantar por parte da oposição era a averiguação das terceirizações na Saúde. Em São José dos Pinhais, esta prática iniciou nos mandatos anteriores. A avaliação deve ser comparativa. Toda esta situação fez parte de denúncias do Ministério Público, que solicitou parecer por parte do Tribunal de Contas, que designou relatores e o relatório foi levado à mídia de forma espalhafatosa para nos denegrir. Com as devidas respostas, a este relatório do Ministério Público, isto ocasionou que o Tribunal de Contas, o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado e a Promotoria do Ministério Público decidiram pelo arquivamento do processo por falta de indícios contra o prefeito.

4 PautaSJP.com - Mas foram, especificamente, no Hospital Municipal São José dos Pinhais, três anos de licitações provisórias. Por quê?
IR – A dispensa de licitações é um direito previsto no processo de administração pública com base na Constituição, desde que justificado. Na época, se faziam necessárias devido às urgências. Neste ano, realizamos os processos licitatórios.

5 PautaSJP.com - Uma pergunta já feita ao candidato Luiz Carlos Setim. Existe um acordo “branco” entre vocês de que o candidato Ivan não fala nada de que o candidato Setim pretende derrubar e construir onde está o casarão da família dele, localizado na frente da Câmara Municipal, e nos debates o Setim não fala nada sobre a derrubada da antiga sede da Prefeitura, pelo senhor, motivada pelo interesse de construção de um novo prédio do Executivo?
IR – De forma alguma, não há relação nisso, e que cada um responda pelas suas atitudes. Esta questão de avaliação sobre a derrubada do casarão da Prefeitura necessita de bom senso e análise. Tínhamos um prédio totalmente descaracterizado. Se havia uma importância histórica, por que o ex-prefeito Setim e o ex-prefeito Leopoldo Meyer não tombaram o prédio anteriormente?

6 PautaSJP.com - Duas perguntas sobre a Imprensa. A primeira sobre o seu pensamento em relação à liberdade de imprensa. O que pensa sobre isso?
IR – Sou plenamente a favor da imprensa livre e responsável. Sou contra a libertinagem da imprensa.

7 PautaSJP.com - E o fato de em São José dos Pinhais haver jornal A que apoia candidato B e jornal C que apoia candidato D?
IR – Aqui em São José dos Pinhais e outras cidades do país o apoio é dissimulado e não concordo com isso. Nos Estados Unidos, por exemplo, é transparente a posição de um jornal ou revista em favor do partido Democratas ou partido Republicano. Cabe ao leitor escolher que canal de comunicação quer ler. Existem jornais de São José divulgando pesquisas que são absurdas. O nosso acompanhamento mostra que não há verdade nestas pesquisas, aliás, na eleição passada, eu era o terceiro colocado nas pesquisas e ganhei a eleição. Acredito que o resultado desta eleição será bem diferente do que é mostrado nestas pesquisas.

8 PautaSJP.com - Matematicamente, em São José dos Pinhais 61 mil passageiros que pegam ônibus somente dentro da cidade para estudar e trabalhar, e 35 mil se utilizam de ônibus para irem às outras cidades. O senhor concorda que pelos números não valeria a pena a integração com Curitiba e outros municípios metropolitanos?
IR – Os meus dados quanto ao número de passageiros são divergentes do que está na pergunta. Realmente, a quantidade de usuários que saem da cidade é menor. A primeira solução para a integração foi realizada, com a integração dentro da cidade. Agora, com a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba, órgão do governo do Estado, devemos discutir como seria uma integração com as outras cidades. Atualmente, existe integração com Curitiba via o Terminal Afonso Pena.

9 PautaSJP.com - A sua visão quanto ao trabalho em conjunto da Guarda Municipal, Polícia Militar e Polícia Civil?
IR – O trabalho em conjunto ocorre em determinadas operações. Por meio dos Conselhos Municipais de Segurança, existe uma integração entre a Guarda Municipal e os órgãos estaduais da Polícia Militar e Polícia Civil. O que temos é uma carência de efetivo de todos estes órgãos para combater a escalada da criminalidade em todos os municípios, seja influenciada pelas drogas e outras questões. O governo do Estado, a quem compete estas atribuições, tem consciência quanto aos níveis atingidos pela delinquência.

10 PautaSJP.com - Palavra livre candidato Ivan Rodrigues?
IR – Peço aos moradores que nasceram no município e quem, como eu, que escolheu São José dos Pinhais para viver, façam uma análise criteriosa do que era a cidade, que tinha características de cidade de pequeno porte, e hoje é um município que se abriu para a modernidade. Uma gestão de projetos fundamentais, com a busca de recursos via governo do Estado e federal para resolver as ansiedades da população. Tenho certeza que se a população fizer esta análise vai ver quem faz e votará no 55 para que a gente continue fazendo.

PautaSJP.com

Compartilhe esta notícia no Facebook: