Trecho da Av. das Torres em SJP ficará sem as torres

Blog Single
A Avenida Comendador Franco une Curitiba e São José dos Pinhais ao longo de vários quilômetros e é popularmente conhecida como Avenida das Torres. Pelo menos, em um trecho do Aeroporto Internacional Afonso Pena até o portal de São José, o apelido pode ficar sem sentido. De acordo com a Secretaria Municipal de Urbanismo e a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), as obras para a retirada de nove torres começaram como parte do projeto do PAC da Mobilidade, recursos federais para melhorar e embelezar o acesso entre os aeroportos e os estádios na Copa do Mundo 2014. Em Curitiba, a mudança acontecerá apenas na altura da construção da ponte estaiada.

“Estas torres sustentam 63 mil watts e o projeto mais os recursos para a retirada de todas as torres ao longo do percurso não foi incluído nas obras do PAC”, diz o diretor técnico da Comec, Sandro Setim.

“A Copel iniciou a supervisão da instalação dos chamados super postes nas vias paralelas à Avenida das Torres para transferir o cabeamento de energia. Depois da Rui Barbosa e aeroporto as torres continuam na avenida”, conta o secretário de Urbanismo de São José dos Pinhais, Marcelo Ferraz.

No lugar das estruturas serão ampliadas as vias que servem aos veículos. A obra faz parte do Projeto Corredor Aeroporto-Rodoferroviária (Avenida das Torres/Avenida Comendador Franco) e compreende o trecho entre a divisa de Curitiba e acesso ao aeroporto. O custo é de R$ 47 milhões, prevê a reforma e requalificação de 9,83 km e tem prazo de 16 meses para conclusão.

PautaSJP.com

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: