Prefeitura de SJP inaugura UPA Afonso Pena 24h, porém, na desativação do serviço 24h na Borda do Campo os moradores vizinhos desconfiam da relocação de mobiliário


Blog Single Imagem da nova unidade 24h e ao lado da ex-24h que teria sido prejudicada
Atualizado 22/12/2014

Segundo a Prefeitura de São José dos Pinhais, o investimento de mais de R$ 8 milhões na Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA) no bairro Afonso Pena inclui mais de R$ 1 milhão para a infraestrutura de móveis e equipamentos. O local foi inaugurado ontem (18) em meio a desconfiança de moradores do bairro vizinho Borda do Campo. O Posto de Saúde da Borda do Campo deixa de ser 24 horas com a abertura do serviço no Afonso Pena e, de acordo com moradores da Borda, muito do mobiliário foi relocado deixando a unidade da Borda do Campo vazia.

“Soube por meio dos funcionários que o mobiliário carregado foi levado diretamente para o Afonso Pena, incluindo cadeiras, macas e suportes para quem toma soro”, questiona Dione Yokoyama, que protocolou há pouco mais de um mês um manifesto com 6 mil assinaturas pedindo mais qualidade no atendimento no Posto de Saúde Martinópolis, na Borda.

Ainda segundo a Prefeitura, trata-se da segunda UPA do Município, e uma das mais avançadas do país, com atendimento 24 horas, auxiliando no atendimento de Pronto Atendimento, Urgência e Emergência nas regiões do Afonso Pena, Guatupê e Borda do Campo. A infraestrutura tem amplas salas de recepção, consultórios, salas e UTI equipadas, ambiente com acessibilidade para cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida, sala de Raio-X, 24 leitos, sendo quatro para Urgência e Emergência e 20 para atendimento geral, farmácia 24 horas e profissionais médicos clínicos para atender a demanda de Pronto Atendimento, Urgência e Emergência e atendimento odontológico noturno de plantão, totalizando 130 funcionários.

Ao todo, foram aplicados na unidade localizada na Rua Paulo Freire esquina com a Rua Francisca de Souza Cortes R$ 8,35 milhões, sendo R$ 6,75 milhões para a construção do prédio e R$ 2,6 milhões vieram de recursos do Ministério da Saúde. A grande maioria, quase R$ 6 milhões, de recursos próprios da Prefeitura de São José dos Pinhais.

A reportagem entrou em contato com a Prefeitura na busca por informação se houve desativação de infraestrutura da unidade da Borda e relocação para a nova unidade no Afonso Pena. Por meio da Assessoria de Imprensa, o órgão reconhece que existiu a relocação e para a Secretaria Municipal de Saúde isto não prejudicará o serviço na Borda do Campo.


PautaSJP.com

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: