“A corrupção prejudica as famílias”, dizem manifestantes de SJP

Blog Single
Apesar de um número pequeno de manifestantes no centro de São José dos Pinhais, como parte dos protestos de ontem (15) pelo Brasil, quem foi até a frete da Catedral da Rua XV às 14h fez questão de mostrar que a crítica é para a Presidência da República mas também a outras instâncias do Executivo em nível municipal e estadual, e Legislativo. O combate à corrupção e aos altos cargos de impostos foram as principais reivindicações.

A empresária Claudia Valasky veio acompanhada da família, incluindo os filhos pequenos que moram no centro da cidade. “Não há o mínimo de retorno por parte do governo nas áreas básicas de atendimento à população como Saúde, Educação e Segurança”, fala Claudia, referindo-se a todo tipo de tributos, como os combustíveis, que são o maior impacto e preocupação do marido, Antonio Valasky. “Hoje, 60% do custo para carregar e entregar material com meu caminhão é o diesel. O gasto com pneu e outras formas de manutenção faz com que a gente praticamente trabalhe de graça”, avalia Antonio Valasky.

Quanto aos desmandos na política em nível municipal, estadual e federal, predominaram as queixas ao governo federal. "Está demais esta corrupção toda neste país corrupto. Se os grandes roubam lá em cima imagina o que não acontece por aí. Os mais prejudicados são todos da família”, questiona a consultora em vendas Angélica Lima, residente no bairro Colônia Rio Grande. A filha Suelen sentiu falta dos colegas do terceiro ano do colégio estadual em que estuda. “A gente comentou sobre este domingo mas a grande maioria não deu bola”, lamenta Suelen Lima.

PautaSJP.com

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: