Sem perspectiva de equipe no ônibus do Hemepar, veículo continuará na garagem. Em 2013, unidade móvel de doação de sangue, que era velha, foi trocada por nova.


Blog Single Até 2013, unidade era antiga, depois, governo adquiriu ônibus mais estruturado
O governo do Estado até deu um pouco mais de atenção à mídia quanto a doação de sangue por causa deste período de junho denominado de mês vermelho. O governador Beto Richa apareceu doando sangue, mas não era dentro da unidade móvel do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar). Sem perspectiva de equipe para circular com o ônibus, o serviço mensal em cidades como São José dos Pinhais, no Hospital São José, segue suspenso desde o começo do ano.

Primeiro, o trabalho passou a ser organizado apenas em unidades hospitalares, ou seja, saiu das ruas. Foi assim também em Ponta Grossa e Campo Largo. O motivo é que os médicos que ficavam dentro do ônibus foram deslocados para o SUS. Sem médico, devido a possibilidade de um doador passar mal, doações apenas em hospitais. Agora, com número insuficiente de enfermeiros, nada de doações nas unidades hospitalares.

A última vez que o veículo esteve em São José foi em novembro de 2014. Um ano antes, o antigo ônibus foi trocado por um novo, com ar condicionado e bem mais estruturado a receber cerca de 100 doadores por dia.

De acordo com Liana de Souza, chefe de divisão de hemoterapia do Hemepar, o órgão precisa dentro do ônibus de um médico, um enfermeiro, três técnicos de coleta, um responsável pelo cadastro e outro para a recepção, mais motorista e copeira. “Neste momento, estamos sem médico e enfermeiro para as coletas externas, porém, são cidades próximas da sede do Hemepar, onde há doação média de 150 doadores por dia, o que está mantendo os estoques necessários. Conforme agendamento, os ônibus estão sendo emprestados para as regionais de cidades pequenas”, explica Liana de Souza.

Segundo o Hemepar, as doações de são-joseenses devem ser feitas na sede da Capital, no bairro Alto da XV, na Travessa João Prosdócimo, 145. Informações 3281-4000. Atendimento 2ª a 6ª feira - 7h30 às 18h30, e sábados - 8h às 18h.

PautaSJP.com

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: