No Dia Nacional do Doador de Sangue (25/11), SJP está sem perspectiva de ter o ônibus de coleta também para 2016. Segundo o Hemepar, não há funcionários, como enfermeiros.


Blog Single Ponto de doações mensal, que era cheio de voluntários, ficou vazio em 2015
Os ônibus de coleta de sangue do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (Hemepar), órgão do governo do Estado, antigamente tinham na equipe médicos o que permitia estacionar na rua e em empresas, recebendo dezenas de doações. Sem médicos, os veículos passaram a ficar parados nos pátios de hospitais. Neste ano, sem enfermeiros, o programa não andou. São José dos Pinhais, como outras cidades, tinha um dia fixo no mês para a participação do voluntariado interessado em ajudar pacientes vítimas de ferimentos, doenças graves e os recebedores regulares de sangue, como casos de deficiência na hemoglobina. Para 2016, por enquanto, não há perspectiva.

Procurado pela reportagem, de acordo com o Hemepar, até o momento, não há possibilidade de confirmar a vinda da unidade móvel, pois somente no começo do ano o órgão terá a confirmação do número de servidores.
A última vez que o veículo esteve em São José foi em novembro de 2014. Um ano antes, o antigo ônibus foi trocado por um novo, com ar condicionado e bem mais estruturado a receber cerca de 100 doadores por dia.

Segundo o Hemepar, as doações de são-joseenses devem ser feitas na sede da Capital, no bairro Alto da XV, na Travessa João Prosdócimo, 145. Informações 3281-4000. Atendimento 2ª a 6ª feira - 7h30 às 18h30, e sábados - 8h às 18h.

PautaSJP.com

Compartilhe esta notícia no Facebook: