De novo, empresa não finalizará obra das trincheiras da Copa em SJP


Comec (gov. Estado) notificou também a empreiteira dos projetos de requalificação da divisa com Curitiba por não terem cumprido acordo estipulado em novembro

Blog Single Trincheira da Igreja São Cristóvão (binário Av. Torres) é a mais atrasada
[Atualizado 05/02/2016]

O PautaSJP.com trouxe no começo do ano a informação de que a obra de requalificação da Avenida das Américas para a Copa do Mundo 2014, que inclui a estruturação de uma nova canaleta para a chegada do ônibus Ligeirão ao Terminal Central, mais uma vez não foi concluída. O último prazo era de 20 de dezembro. Quanto as trincheiras das avenidas Torres e Américas, a empreiteira Empo foi notificada por não honrar o último acordo formalizado em novembro.

Nos bastidores circula a informação de que o governo do Estado ainda não acertou a última parcela dos contratos, questão que está sendo apurada pela reportagem. O Consórcio Engefoto-Unidec respondeu ao PautaSJP e destaca que foi participante apenas como planejamento, sem responsabilidade na execução da requalificação da Avenida Américas. As propostas licitadas com recursos federais, organizadas pelo Estado e fiscalizadas pela Prefeitura de São José dos Pinhais somam 85 milhões. Trata-se do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Copa). O fim estava previsto para março de 2014, três meses antes da disputa na Capital do Mundial da FIFA.

“Foi assinado um termo de compromisso entre as empresas e a Comec - que, inclusive, contou com a participação da Caixa Econômica Federal (CEF) [agente financiador], onde a empresa se comprometia a retomada imediata da obra. Como a empresa não está atendendo plenamente o que foi acordado, a Comec está tomando as providências administrativas e judiciais necessárias para que a obra seja concluída”, diz a nota da Comec.

Corredor Aeroporto - Rodoferroviária (R$ 59.866.005,22)
O corredor Aeroporto Internacional Afonso Pena - Rodoferroviária de Curitiba compreende a requalificação da Av. das Torres (divisa entre os dois municípios), da rua Comandante Aviador José Paulo Lepinski e da rua Rocha Pombo. Também serão construídas três trincheiras para veículos e passagens em desnível para pedestres. Serviços de pavimentação, iluminação, calçamento, ciclovia e paisagismo.

Corredor Avenida Marechal Floriano – Avenida Américas (R$ 26.413.662,68)
O projeto tem 3,41 quilômetros de extensão. A obra compreende a construção de duas trincheiras (nas ruas Joaquim Nabuco e Claudino dos Santos), ampliação da ponte sobre o Rio Iguaçu, restauração de pavimento, pavimentação, iluminação, calçamento, ciclovia e paisagismo. Prolongamento da canaleta exclusiva do sistema integrado de transporte da Av. Marechal Floriano (em Curitiba) até o Terminal Central de São José dos Pinhais.

PautaSJP.com

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: