A 55 dias da eleição, candidatos são-joseenses sem propostas


Nem Toninho da Farmácia, Sylvio Monteiro, Mauro Knorst ou Adilson Stuzata lançaram seus sites com projetos para São José dos Pinhais

Blog Single No Face apenas dados das convenções e nenhum plano de governo
[Atualizado dia 11] - PT não terá mais candidato

Enquanto em outras cidades os sites dos candidatos trazem os nomes com os domínios e propostas para administrar os municípios, os concorrentes a prefeito, aqui em São José dos Pinhais, possuem zero projetos para serem gestores de um PIB de 25 bilhões/ano (Ipardes 2013). Nenhum dos postulantes à Prefeitura traz qualquer tipo de informação nas mídias sociais e sequer estão com seus WWWs no ar. A publicidade começa oficialmente dia 16 de agosto, mas, ainda antes das convenções partidárias, era possível a publicação na internet de ideias e a agenda de contatos dos candidatos.

Rápida pesquisa do PautaSJP.com no Facebook nos endereços do vice-prefeito, Toninho da Farmácia (PSC), do vereador e presidente da Câmara, Sylvio Monteiro (PTB), do empresário Mauro Knorst (REDE), e Adilson Stuzata (PT), mostram eventos políticos e as imagens pós convenções:
https://www.facebook.com/toninhofenelon/?fref=ts
https://www.facebook.com/VereadorSylvioMonteiro/?fref=ts
https://www.facebook.com/mauro.knorst.9?fref=ts
https://www.facebook.com/adilson.stuzata?fref=ts

Neste ano, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não permite mais doações de empresas na campanha, sendo apenas de particulares e recursos dos fundos partidários, o que deve diminuir a possibilidade de captação em média de 90%. Se a internet é a maneira mais barata de propagar projetos e aproximar os candidatos dos eleitores, na corrida eleitoral de 2016 os concorrentes são-joseenses saíram lá atrás.

Cenário polarizado em dois grandes grupos
Toninho da Farmácia é vice-prefeito e seu partido, o PSC - Partido Social Cristão,traz o candidato a vice, Thiago Buhrer, do PSDB - Partido da Social Democracia Brasileira; mais PSB - Partido Socialista Brasileiro; DEM – Democratas; PP – Partido Progressista; PSD - Partido Social Democrático; PTdoB - Partido Trabalhista do Brasil; PTC - Partido Trabalhista Cristão; PRB - Partido Republicano Brasileiro; PMN - Partido da Mobilização Nacional; PPS - Partido Popular Socialista; PSDC - Partido Social Democrata Cristão; PDT - Partido Democrático Trabalhista; PRP - Partido Republicano Progressista; e PRTB - Partido Renovador Trabalhista Brasileiro.

O vereador e presidente da Câmara, Sylvio Monteiro, chega com seu partido, o PTB – Partido Trabalhista Brasileiro, mais a candidata a vice, a vereadora Lucia Stoco, do PEN – Partido Ecológico Nacional, além das legendas PHS - Partido Humanista da Solidariedade; PSL - Partido Social Liberal; PR – Partido da República; PROS - Partido Republicano da Ordem Social; PCdoB – Partido Comunista do Brasil; e PV – Partido Verde.

O partido REDE Sustentabilidade oficializou o empresário Mauro Knorst em coligação com o PTN – Partido Trabalhista Nacional e o vice na chapa Pedro Scherer. O PT – Partido dos Trabalhadores oficializou o ex-secretário municipal de Trabalho (gestão ex-prefeito Ivan Rodrigues), Adilson Stuzata, como candidato a prefeito.

Partido dos Trabalhadores retira candidato a prefeito
Na última terça (09), uma mensagem do Partido dos Trabalhadores foi enviada inbox pela legenda são-joseense no Face do PautaSJP.com, por meio do candidato Adilson Stuzata, de que Adilson não será mais o nome do PT à Prefeitura. O partido terá apenas nomes concorrentes à Câmara de Vereadores e não a prefeito.

PautaSJP.com

Compartilhe esta notícia no Facebook: