Roney Erthal produz seu painel artístico de número 101

Blog Single
Uma cerâmica na parede é uma simples cerâmica. Mas, nas mãos de Roney Erthal, desenhos se tornam pinturas monocromáticas e coloridas que embelezam não apenas São José dos Pinhais. Recentemente, Roney produziu seu painel de número 101, com obras montadas também em Curitiba e outras cidades brasileiras.

Os projetos trazem a história do povo e das localidades em traços simples e sofisticados como fazia o mestre Poty Lazzarotto. “Quando comecei, já fazia referências históricas e as pessoas começaram a nos comparar. Tive a oportunidade de conhecer Poty e frequentar seu atelier escutando dele as possibiliadades técnicas”, destaca Erthal, que é o autor de trabalhos dispostos em ambientes internos, como o mural dentro do prédio da Subseção São José dos Pinhais da OAB/PR, intitulado Largo da Carioca, e fachadas em espaços públicos.

O trabalho original de Roney Erthal é prova de seu talento singular. Autodidata, conta que começou a desenhar em 1989, ‘por acaso’. “Fiz um rabisco, daí um colega viu e me disse pra levar a um crítico de arte”, lembra. No Museu de Arte Contemporânea do Paraná, o ‘rabisco’ foi analisado. “Pediram pra eu fazer outros desenhos e me disseram que eu podia parar de trabalhar em autopeças para viver da arte. Foi o que eu fiz”, recorda Roney Erthal.

Seus desenhos já foram expostos em diversos salões e mostras nacionais e internacionais, como em Paris, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Suas obras ainda se transformam em telas, esculturas, troféus, cartões de natal, ilustrações de livros, embalagens, capa de CD e até selo dos Correios.

PautaSJP.com

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: