Após mostra de bikes no sábado (06), exposição na Portfólio vai ser anual. Modelos inusitados e interativos fizeram parte do evento “Quando as bicicletas encontram a fotografia”. 08-May-17



Fabiano Schroden, do Instituto Schroden, entidade cultural de MG, e a bike de bambu

A Escola de Fotografia Portfólio, tradicional ponto de encontro de exposições de Curitiba, teve, no último sábado (06), uma mostra voltada à mobilidade intitulada “Quando as bicicletas encontram a fotografia”. O evento gratuito apresentou ao público modelos inusitados como de bambu, compensado naval, cano de pvc, bikes raras das décadas de 50-70, incluindo infantis, além de interativas, como de pedalar e fazer suco, e a bike rock n’ roll com discos de vinil para discotecar. Segundo a organização da festa cultural, uma nova oportunidade será planejada para 2018.

“Ficamos muito felizes com o resultado de um dia de exposição e repetiremos o conceito em abril do ano que vem. Da mesma forma, com o trabalho que ficará exposto nas próximas semanas nos muros da escola, no registro dos ciclistas na praia, na serra e na cidade”, falou Nilo Biazzetto Neto, fotógrafo e proprietário da Portfólio.

Entre as centenas de visitantes, o representante do Instituto Schroden, Fabiano Schroden. “É incrível como em Curitiba e região, apesar de garoar e chover quase metade do ano, existam tantos ciclistas. Tenho uma relação pessoal com o tema bicicleta e fotografia. Há cerca de 20 anos, tive um acidente de bike e comecei a fotografar durante o período de recuperação. Depois, passei a usar a bike para percorrer as ilhas e fotografar o litoral paranaense. Hoje, sou fotógrafo em Uberaba, Belo Horizonte”, contou Fabiano Schroden.

A formanda em arquitetura pela Positivo, Nahayana Santos, visitou a mostra como parte de seus estudos no Projeto de Inovação Científica – Ciclomobilidade. “A utilização do ciclismo como transporte e lazer só cresce nas cidades, seja, de pequeno ou grande porte, e os municípios devem se preparar quanto a infraestrutura e a cultura de todos os modais”, disse Nahayana Santos.

“Fico orgulhoso de tantos alunos fotografando a eco bike”, mencionou José Carlos Setim. “O espaço é muito bacana e valoriza a nossa dedicação à história das bicicletas”, acrescentou o colecionador Osmar Empinotti.

“Parabéns a todos pela iniciativa. Pessoas de diferentes idades compartilhando o ciclismo”, elogiou Ivo Reck Neto, do Instituto Energia Humana, que cedeu a bicimáquina (copo de liquidificador).


Informações sobre outras ações culturais na Portfólio
Endereço: Rua Alberto Folloni, 634 A - Centro Cívico, Curitiba - PR, 80540-000. Telefone: (41) 3252-2540. Entrada gratuita. Visitação 12h às 17h. http://www.escolaportfolio.com.br/

PautaSJP.com