São José dos Pinhais agora tem onze pré-candidatos a prefeito 2020


Recentemente, Cristiano Bassa colocou seu nome no PDT. Na eleição passada eram apenas três. Toninho recebeu 61.484 votos, Sylvio Monteiro 40.157 e Mauro Knorst 13.682.

Blog Single Confira os nomes dos pré-concorrentes ao Executivo para o dia 15 de novembro
[Atualização 11h40]

O adiamento das eleições 2020 na Emenda Constitucional nº 107/2020 por causa do coronavírus, com as novas datas em 15 e 29 de novembro (cidades com segundo turno), prorrogou o pleito por 42 dias e também deu mais tempo para as convenções partidárias e definição dos candidatos, De julho, a emenda oficializou o lançamento das candidaturas para novo período de 31 de agosto e 16 de setembro. Há quatro anos, São José dos Pinhais teve apenas três candidatos a prefeito, mas, por enquanto, onze nomes querem disputar o voto com o prefeito Toninho Fenelon.

As semanas a mais para a votação devem agitar uma cidade que politicamente está bem movimentada. Tudo começou com o racha no começo do ano entre o prefeito e o seu vice, Thiago Buhrer, filho do deputado estadual Francisco Buhrer. O PautaSJP.com fez um breve levantamento dos perfis de Facebook que se colocaram à disposição dos partidos. Ao contrário de 2016, quando três concorreram, até poucos dias, dez nomes estavam na disputa na internet. Nesta semana, um décimo primeiro interessado entrou na briga. O empresário e suplente a vereador, em 2008, com 1.416 votos, Cristiano Bassa, iniciou, recentemente, uma pré-candidatura no PDT regional.


Confira a relação de pré-candidatos para 2020
Antonio Fenelon (Toninho da Farmácia), vice-prefeito 2005-2008 e 2013-2016, vai concorrer à reeleição. Três vereadores se articulam para tentar deixar o Legislativo em direção ao Executivo como prefeito, sendo Assis Pereira, Nina Singer e Marcelo Guilherme. Entre os políticos que tem ou tiveram mandato, também são pré-candidatos o ex-prefeito Ivan Rodrigues (2009-2012), o pastor e deputado estadual Ricardo Arruda e o ex-vereador Sylvio Monteiro. A lista ainda traz nomes que buscam a primeira vitória nas urnas, sendo o advogado José Carlos da Silva (Marinho), o ex-secretário de Segurança Adriano Mühlstedt e os empresários Cristiano Bassa e Ronaldo Vaccari.


2016
Nas eleições de 2016, Toninho da Farmácia, na época, no PSC, se elegeu com 61.484 votos (53,31%), à frente de Sylvio Monteiro (PTB) com 40.157 (34,82%) e Mauro Knorst (REDE) 13.682 (11,86%). Foram 115.323 votos (74,69%), mais 14.747 brancos (9,55%), 24.333 nulos (15,76%) e 16.302 abstenções (9,55%).


Sem segundo turno
Faltando perto de 5 mil eleitores, São José não atingirá 200 mil eleitores e ficará sem segundo turno em 2020. Eleição a prefeito em duas fases, provavelmente, só em 2024. Dados do Fórum Eleitoral, no início do ano, mostravam a 8ª Zona Eleitoral com 101.808 votantes e a 199ª Zona Eleitoral 92.281 votantes, que somam 194.089 eleitores.

PautaSJP.com

Mais imagens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: