Prefeitura nega reivindicação salarial, mas não comprova impossibilidade econômica

Blog Single
Diante do impasse foi marcada nova reunião para o dia 27 de abril

Na primeira reunião de negociação salarial entre o Sinsep (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São José dos Pinhais) e a Prefeitura de São José dos Pinhais, que aconteceu hoje pela manhã, a Administração informou à comissão de negociação da categoria, composta por três diretores do sindicato e três servidores filiados, que é impossível conceder a reposição das perdas salariais mais o ganho real, que somam 18% de reajuste. A Prefeitura alega que a arrecadação do município diminuiu nos últimos meses, no entanto, novos estudos do Dieese/PR (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Econômicos), apresentados pelo Sinsep, comprovam o contrário.

Dados do Tesouro Nacional e da Secretaria Estadual de Fazenda do Paraná, elaborados pelo Dieese/PR, mostram que os repasses líquidos do ICMS aumentaram 18,95% no 1º trimestre de 2009, comparado com o mesmo período de 2008. Já os repasses estaduais líquidos aumentaram 17,85% no 1º trimestre de 2009 e os repasses federais aumentaram 10,83% no 1º bimestre de 2009 (conforme tabela em anexo). As estatísticas contrariam os argumentos da Secretaria Municipal de Finanças, que no último dia 15 alegou ter diminuído a arrecadação em 10 milhões de reais e que ainda sustenta a suposta queda econômica.

Diante do impasse, foi marcada nova reunião para o dia 27 de abril, segunda-feira, às 14 horas, quando a comissão de representantes da Prefeitura deverá comprovar a diminuição da receita.

Sindicato dos Servidores Públicos de São José dos Pinhais
Secretaria de Imprensa e Comunicação
Jornalista responsável: Loriane Fogaça
3382-6364 / 3382-1663 / 9258-1683
imprensa@sinsep.org.br

Compartilhe esta notícia no Facebook: