Nesta quinta (11) estréia nacionalmente o documentário Cantoras de Rádio

Blog Single
Produção paranaense possui patrocínio de indústrias de São José dos Pinhais

Estréia nesta quinta-feira (11), no circuito nacional, o documentário as Cantoras de Rádio, do diretor Gil Baroni. Trata-se de um ótimo resgate da época de ouro da cultura brasileira. Por meio de entrevistas, canções e imagens de Carminha Mascarenhas, Carmélia Alves, Violeta Cavalcante e Ellen de Lima, o espectador lembra ou conhece a grandiosidade da Rádio Nacional, que tinha sede no Rio de Janeiro. A produção possui a mão de diversos paranaenses, além do diretor de 29 anos, e conta com patrocínio de indústrias de São José dos Pinhais, como a Cia Providência e Cequipel.

O lançamento do projeto de cinco anos de trabalho aconteceu no Cine Unibanco Arte Plex do Shopping Crystal Plaza, na última quinta-feira (04), com a participação de Ellen de Lima, 71 anos, e Carmélia Alves, 86 anos. Na ocasião, a produtora Laura Dalcanale disse que a interação da equipe com as artistas foi muito forte. “Primeiro nos apaixonamos pela idéia do projeto e depois pelas quatro estrelas do documentário”, disse Laura. Para o diretor Gil Baroni chegou o momento mais aguardado. “Existem vários processos de realização do cinema e a primeira exibição pública é onde os diretores querem estar”, falou Gil. Carmélia Alves era uma das artistas preferidas de Luiz Gonzaga. “Nós somos o passado mas estamos aí, firmes e fortes, cantando e fazendo shows”, comentou Carmélia.

Durante o filme as cantoras falam de seus amores, da boemia carioca, dos grandes contratos que a Rádio Nacional tinha com músicos e atores de rádio, e também das colegas cantoras, como Carmen Miranda, Emelinha Borba, Dircinha Alves, entre outras. A Arte Lux é a responsável pela produção e anteriormente organizou o show “Estão Voltando as Flores”, do produtor Ricardo Albin, em 2005, e que serviu de base para o filme.


Patrocínio via São José dos Pinhais
A Cequipel é uma empresa especializada em projetos de móveis educacionais e corporativos, incluindo cadeiras e poltronas para teatros e auditórios, como salas de cinema. O diretor executivo Germano Oppitz era um dos representantes da empresa no lançamento do documentário. “Temos essa relação com a cultura por meio dos nossos projetos e foi uma grande satisfação ser um dos patrocinadores deste belo filme”, falou Germano.

[PautaSJP.com]

Mais imgens desta notícia

Compartilhe esta notícia no Facebook: